segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Comida Crua

Há algumas semanas, provei um "brigadeiro" cru, feito de amendoim germinado passado no cacau em pó. Diferente e bom, sem açúcar.
O crudivorismo é considerado a alimentação viva por não levar a comida ao fogo, preservando o que acredita-se ser o biochip, a energia vital. Há uma corrente séria de naturistas e médicos adotando prescrições de alimentação crudívora para pacientes com os mais diversos males e todos vêm se curando.



Deixo algumas receitas:

Torta de Tâmaras e Castanhas do Pará, Raw Family (a torta da foto acima, feita pela Karin)
500g de castanhas-do-Pará hidratadas por 14 horas
500g de tâmaras secas hidratadas por 4 horas
1 maçã cortada em fatias finas
morangos para decorar
Processar ou triturar as castanhas. Fazer o mesmo com as tâmaras adicionando um pouco da água da hidratação. Misture as castanhas e as tâmaras até formar uma pasta. Forrar uma forma de fundo removível com essa pasta. Decorar com as fatias de maçã e os morangos.
Está pronta! Não precisa assar, nem levar à geladeira.


Essa torta também fica muito boa em banana passa e castanha de caju, basta trocar as tâmaras por banana passa e a castanha do Pará por castanha de caju.
Para fazer o pavê de banana passa com castanha de caju em mousse de caqui e laranja, faça a torta crua em banana passa e castanha de caju, arrume em tacinhas e cubra com a mousse de caqui e laranja. Sirva gelada.


Torta Tropical Crua, chef Aris La Than
Amêndoas
Nozes
Passas
Canela
Caju
Manga
Morango
Goiaba
Hortelã
A torta tropical é totalmente crua, nem o recheio ou a massa vão ao forno. Comece o preparo da torta pela massa: triture bem, de preferência num processador, as amêndoas e as nozes. Junte os dois ingredientes, misture bem e adicione um pouquinho de canela. A massa está pronta, agora é só abrir em uma forma.
Antes de começar a rechear a torta, prepare a geleia: coloque caju, sem semente, e passas no processador e triture bem até que vire uma geleia.
Com a geleia pronta, você pode começar a rechear a torta: corte a manga em fatias e coloque-as no fundo da torta, sobre a massa. Espalhe a geleia sobre a 1° camada de manga. Repita o mesmo processo anterior: coloque mais uma camada de manga e espalhe a geleia sobre a outra camada. Para finalizar, corte alguns morangos ao meio, e coloque-os na torta envolvendo a borda. Se quiser dar uma enfeitadinha, use a casca da manga e faça uma flor. Coloque-a no meio da torta com algumas folhas de hortelã. Corte goiabas em fatias e preencher os espaços da torta.
A sua torta está pronta, agora é só servir


Pudim por do sol
2 bananas descascadas
1 manga, descascada e amassada
10 morangos
2 tâmaras, amassadas (opcional, porque é um pudim muito doce)
Pique as tâmaras. Ponha tudo junto num processador de alimentos e bata até tomar consistência. Sirva em tacinhas.


Pudim de banana com cacau
8 bananas
1 copo (200ml) de suco de laranja
1 col sopa cheia de cacau em pó
1 col sopa cheia de melado d ecana
Bata tudo no liquidificador, arrume em tacinhas e leve para gelar



Mais opções cruas:
Mousses de frutas sem açúcar
Mousses e pudins de chocolate
Torta crua de damasco e cacau natalina
Gazpacho, a sopa crua ou salada líquida espanhola
30 (e muitos) sorvetes caseiros orgânicos e sugar free
Leite de castanhas (ou amêndoas) adoçado com passas claras hidratadas
Patês de castanhas e amêndoas, guacamole, salmorejo madrileño, pestos e manteiga doce de castanha do Pará 
8 Cheesecakes crus: macadâmia, amêndoas, pecans, castanhas, abacate e cacau (uma das versões na foto abaixo)

Picture


Lembre também que toda fruta seca rende uma geleia crua, simples e saborosa, como a geleia de damasco. Para fazer, basta deixar de molho por 12hrs, escorrer e bater no liquidificador.


Para fazer um forno solar e continuar comendo comida crua, aquecida naturalmente pelo sol, leia a postagem "A casa sustentável é mais barata - parte 17 (fornos solares a R$20,00)".


Mais informação:
Simplesmente cru - porque podemos viver 120 anos

Um comentário:

Karin Fromm disse...

Oi Carol, que bom ver a torta aí, ainda mais rodeada por outras belas receitas!
Beijão