quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Os porquês da miséria


O projeto "Why poverty" é excepcional e abrange as muitas razões da pobreza no mundo.
Para quem não está com o inglês afiado, vale assistir pelo menos o episódio brasileiro, todo em português.

O episódio brasileiro, "Mauá Surroundings", retrata a questão da população de rua de São Paulo e lembra a estatística: existem mais edifícios abandonados do que moradores de rua no Centro de São Paulo.
Algumas famílias ocupam esses prédios para morar mais próximo ao trabalho e o Judiciário, que se restringe à letra da Lei, é obrigado a remover essas pessoas, quando os proprietários estão com IPTU atrasado junto à Prefeitura e preferem manter o imóvel inativo como capital especulativo.
Quem está com a razão? A quem a Polícia e a Prefeitura deve atender?
Essas pessoas podem reclamar por pagarem seus impostos e mesmo assim estarem à margem dos serviços básicos como saúde, educação e saneamento?
Deveria existir alguma lei que proteja um trabalhador com seus impostos em dia de acordar à três da manhã para estar no trabalho às sete? Então quem deve abrir essas novas frentes de trabalho nas periferias?





Outro episódio, "Stealing Africa" trata da mineração do cobre na África e mantém um paralelo com a sede da empresa mineradora, a Glencore, na Suíça.
Se o livro e filme "O mundo segundo a Monsanto" assusta por mostrar que em nenhum rincão desse planeta estamos livres de uma semente transgênica patenteada, esse filme deveria chamar-se "O mundo segundo a Glencore" e mostra a devastação ambiental e social que a mineração produz em qualquer lugar, exceto obviamente nas sedes das mineradoras.





"Welcome to the word", aonde e de quem você nasce, vai definir o que você vai ser na vida e quais chances terá de "mudar de casta".





"Education, Education", a primeira denúncia formal ao modelo chinês de ensino, do sexismo estabelecido entre a divisão de tarefas dos próprios docentes até à distribuição oficial de vagas do ensino subsidiado apenas aos melhores alunos:





"Give us the money", o trabalho de Bono Vox e Bob Geldolf junto aos políticos dos países desenvolvidos para melhoria de condições de vida nos países africanos. Trata basicamente de um assunto, a (perversa) Divisão do Capital:





"Waste" trata do desperdício de comida num mundo onde metade do que é produzido, vai parar no lixo.





Site oficial com link para página no Face, perfil no Twitter e espaço para subscrever a newsletter: Whypoverty.net

Não esqueça de visitar a página oficial no Vimeo também e ajude a manter o projeto baixando gratuitamente todos os filmes. 



Mais filmes:
Flow, por amor à água
O veneno está na mesa
A Revolução dos Cocos
O mundo segundo a Monsanto
The story of stuff: A história das coisas
Ouro Azul: A guerra mundial pela água
The Power of Community: How Cuba Survived Peak Oil
Economistas da Unicamp lançam Manifesto em Defesa da Civilização

Nenhum comentário: