sábado, 6 de julho de 2013

Cachorros também comem pés e ovinhas de galinha

Eu tenho 3 vira-latas adotadas, 3 fêmeas adultas castradas que estão comigo desde bebê.
Cada uma tem sua história, mas no fundo são 3 crianças que me dão pouco trabalho e muita alegria.

Para quem está chegando agora, há uma linha veterinária séria, a Cachorro Verde, que defende que a melhor alimentação para qualquer animal não é a ração industrializada, mas comida de verdade, fresca e feita com ingredientes naturais. Como é o caso de nós, seres humanos por sinal.

Meus cães comem ração pela praticidade, já que seria muito trabalhoso cozinhar diariamente para 3 cães adultos. Quando tentei, fazia quase 5 quilos de angu (ou outro cereal) com vísceras e vegetais diariamente, foi muito cansativo e acabei abandonando a ideia. Compro a melhor ração que posso. Mas, por outro lado, mantive algumas práticas da alimentação caseira para cães e ela aparecem aqui em muitas postagens, como: Dica sustentável e veterinária do dia: canela e joelho de boi, Mais uma dica sustentável e veterinária: pescoço de galinha e Cães também bebem kefir!

Todo cão também pode e deve comer frutas diariamente, as mais indicadas são as doces, como bananas, goiabas, mangas e mamão.

A inclusão de ossos crus na alimentação do animal só traz vantagens, além do enriquecimento nutricional, roer os osso funciona como uma escovação natural dos dentes, eliminando mal hálito e problemas de tártaro. Repare que as partes dadas aos animais também são justamente as consideradas de pouca serventia, mais baratas e em última análise, faz-se uma reciclagem da comida que em outras circunstâncias iria para o lixo, já que as pessoas só compram as partes nobres e suculentas, como peito, coxa e sobrecoxa.
Mesmo que seja vegano, não prive seu cão desse alimento, as partes recomendadas aos animais são o refugo da indústria da carne, não o fim, você não estaria financiando os matadouros, mas reciclando seus restos.

Dessa vez levei pescoço e ovinhas de galinha e os cães adoraram. Peça ao feirante para limpar os pés removendo a ponta dos dedos, para que as unhas não perfurem o intestino do seu cão.
Caso não conheça, ovinhas são ovos não fecundados da galinha, encontrados no interior do animal após o abate - são o equivalente a óvulos e uma tradição muito antiga de incluir esse alimento nas sopas, especialmente a canja. O aspecto é de uma gema sem a clara.
Eu nunca comi ovinhas, por nunca ter encontrado de produção orgânica, mas levei e os cães engoliram como sushis, não deu nem tempo de fotografar.

Na barraca da feira, pés de galinha e as ovinhas, vendidos a quilo:



Pipa encarando seu pratinho com pés e pescoço de galinha:




 Olímpia comendo sua porção semanal de pés e pescoços de galinha:




 Não tem foto da Margarida, ela come muito rápido.


Os cães:
OlimpiaMargarida e Pipa


Mais informação:
Cães também bebem garapa
Se precisarem de mim, estou no Mãe de Cachorro também é mãe
Castre seu gato: 1 casal de gatos gera até 60.000 descendentes em 6 anos
Castre seu cão: 1 casal de cães gera até 80.000.000 de descendentes em 1 década
Não existe animal feio, existe animal maltratado: o antes e depois de animais abandonados

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá Carolina achei interesante mas tenho uma duvida , os ossos não é prejudicial para os cães , sempre ouvi que cachorro não pode comer osso nenhum porquê pode perfurar algum órgão

Carolina Daemon Oliveira Pereira disse...

O osso cozido do frango de padaria pode perfurar pq vão ser engolidos inteiros, ossos crus não pq sao roídos. Observe que cães são predadores que caçam outros animais, como gatos, pombos e ratos. Dê uma olhada no site da cachorro verde, são veterinários que defendem com mais embasamento essa linha.