quinta-feira, 26 de março de 2015

Planta na rua: a pracinha da Cardeal Arco Verde com Monte Alegre



Domingo, 22 de março, pude finalmente participar de uma oficina do pessoal do Planta na Rua, que vinha acompanhando à distância há tanto tempo.
São muito queridos e foi uma experiência ótima e extremamente organizada. Na pracinha do entrocamento da Rua Monte Alegre com Cardeal Arco Verde em Santa Teresa, antes abandonada e hoje, uma hortinha urbana em processo de expansão.

Vou deixar as fotos falarem por si, experiências autogeridas não precisam de tanta teoria.







Se o seu filho não sai da frente da televisão, pede um game diferente por mês e está cada vez mais gordo, quem sabe uma hortinha despretensiosa não pode mostrar que existe muita diversão fora do shopping e da internet.




Como se prende um xaxim:






Os pés de rúcula que eu plantei:

Antes



Durante



Depois



Um pé de boldo!



As mudinhas recém plantadas, esperando a chuva que veio horas depois:





Sistema simples de hidroponia em pvc em leve declive:




E quando você pensa que não pode ser melhorado, uma turma levanta e pinta a praça. E o espaço que era cinza e praticamente um matagal abandonado, torna-se colorido e cheio de plantas.



Um sonzinho bom rolou a tarde toda, soube pelos organizadores que o empenho foi grande e depois que saí de lá, ainda plantaram um limoeiro, uma aceroleira, uma mangueira e uma goiabeira. Além de frutos, vai atrair pássaros e dar sombra.



As crianças são as que mais se divertem!





Se uma turma apropriou-se de uma pracinha ou terreno baldio do seu bairro, não crie caso. Se estava abandonado, que diferença faria para você? E poucas coisas são mais simpáticas do que uma horta comunitária. Nossas praças mais parecem terrenos baldios e lixões abandonados, um pouco de verde e espírito comunitário nunca são demais. No mínimo você vai ter um local melhor para passear e conversar, levar os bebês do bairro, jogar cartas e xadrez com um vizinho.
Antes dessa postagem fechar, outros voluntários já haviam aparecido com pelo menos uma muda de pitangueira e um pé de limão galego em doação para futuros plantios.
Moradores bem intencionados, nem pensar em colocar veneno para rato nas mudinhas, algum desavisado vai colher e comer depois!


O mutirão está na TV UOL, vídeo de 2 minutos no link abaixo:

Contra abandono mutirões renovam praças no rio com hortas comunitárias








Mais informação:
Na Jureia: o SNUC
Goura Vrindrávana

O El Nagual em Santo Aleixo, RJ
3 dias bioconstruindo em Santa Teresa
Pólo de agricultores orgânicos do Brejal, RJ
Mosteiro Zen de Morro da Vargem, Ibiraçu, ES
A horta urbana da Pedro Américo no Catete, RJ
1 semana com a Solarize e 2 dias com a PermaRio


Nenhum comentário: